Do dia do Pai

Esta semana partilhámos um vídeo sobre os 10 mandamentos das famílias felizes (partilho abaixo) e um dos mais importantes é apreciar as graças que temos.

Hoje, enquanto leio no meu feed o testemunho de famílias em que o pai não está presente para participar nas celebrações do dia do Pai (a maior parte das vezes por impossibilidade física, algumas, mais tristes, por indisponibilidade do coração) sinto-me grata por ter comigo o Melhor Pai do mundo, por termos a felicidade de estarmos juntos e sermos assim felizes.

Tenho tanto respeito pelas Mães-Pais que nestes dias redobram as forças, esticam o coração, abrem ainda mais os braços para serem mães e pais, sem que nunca o possam ser inteiramente, e isso lhes doa por dentro, que por fora são (têm de ser) fortes.

E tenho tantas saudades do meu Pai, o meu melhor Pai do mundo. Estes dias do Pai, que seguem de perto o dia de anos dele (fazia anos a 10 de Março), abrem mais um bocadinho aquela ferida que nunca fecha das saudades da sua companhia, do ombro que era perfeito para mim, dos livros que me sugeria ler e serão sempre dos meus preferidos.

A vida é preciosa. Se têm um pai com quem celebrar este dia, não hesitem. Eu tenho um, o melhor do mundo para as minhas filhas, e sinto-me infinitamente grata por isso.

Feliz dia do Pai, para todos os pais (mesmo os que já partiram), para todos os filhos, e para todas as mães-pai.

Família Pumpkin_Isabel Saldanha Photography_39
 
 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s